quinta-feira, 20 de agosto de 2015

AS ORAÇÕES E A UMBANDA.

  As Orações e a Umbanda.

    A todo momento da vida de um umbandista, seja nas horas de
alegria, de tristeza, de dor, de desânimo, de saudação, de ligação com
seu Anjo da Guarda, com a ligação com os Orixás ou com as Entidades de
Luz, ou qualquer seja o momento que o umbandista precise se
restabelecer, dividir a euforia, agradecer aquela graça concedida ou
fazer seus pedidos, a oração estará junto a ele.

    E essa oração pode ser aquela que todos nós já conhecemos, assim
como um "Pai Nosso" ou uma "Prece de Cáritas", ou então aquela
inédita, que acabamos de criar, através de palavras soltas vinda do
coração.

    Dentro da Umbanda as ditas orações são extremamente importantes,
pois quando vamos a uma "Gira", desde o momento que colocamos os pés
na entrada de nosso terreiro, até o momento que saímos dele, fazemos
orações, como dito acima, seja de pedidos de licença, saudações,
agradecimentos, etc.

    Para os umbandistas, e para muitas pessoas que amam nossa
religião, a oração mais frequente é a que pedimos luz e proteção em
nosso caminhar, e esses pedidos são feitos a nossos Anjos de Guarda, e
dentro da fé de cada um essa oração pode ser assim:

*******************************************************************
ORAÇÃO AO ANJO DA GUARDA.

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo.

Senhor Deus, Todo-poderoso, criador do céu e da terra. Louvores Vos
sejam dados por todos os séculos dos séculos. Assim seja.

Senhor Deus, que por vossa imensa bondade e infinita misericórdia,
confiaste cada alma humana a cada um dos anjos de vossa corte celeste,
graças vos dou por essa imensurável graça. Assim confiante em vós e em
meu santo anjo da guarda , a ele me dirijo, suplicando-lhe velar por
mim, nesta passagem de minha alma, pelo exílio da Terra.

Meu santo anjo da guarda , modelo de pureza e de amor a Deus, sede
atento ao pedido que vos faço. Deus, meu criador, o Soberano Senhor a
quem servis com inflamado amor, confiou à vossa guarda e vigilância a
minha alma e meu corpo; a minha alma, a fim de não cometer ofensas a
Deus, o meu corpo, a fim de que seja sadio, capaz de desempenhar as
tarefas que a sabedoria divina me destinou, para cumprir minha missão
na terra.

Meu santo anjo da guarda , velai por mim, abri-me os olhos, dai-me
prudência em meus caminhos pela existência. Livrai-me dos males
físicos e morais, das doenças e dos vícios, das más companhias, dos
perigos, e nos momentos de aflição, nas ocasiões perigosas, sede meu
guia, meu protetor e minha guarda , contra tudo quanto me cause dano
físico ou espiritual. Livrai-me dos ataques dos inimigos invisíveis,
dos espíritos tentadores.

Meu santo anjo da guarda , protegei-me.

Que assim seja!
*******************************************************************


    Muitas pessoas pregam coisas um tanto mirabolantes, como dezenas
de velas, despachos grandiosos e caríssimos, novenas sádicas, jejuns
doloridos ao corpo físico, para conseguir ou agradecer uma graça.
Contudo, nada disso tem a grandiosidade da fé de cada um. Ou seja, se
a pessoa não achar que sua fé seja o suficiente ao entregar ao seu
agradecimento ou a seu pedido apenas uma oração feita com carinho,
crendo naquilo que você deseja demonstrar, se achar que a fé só pode
ser demonstrada com algo material em excesso, ou com dias de rezas a
fio, que muitas vezes se tornam mecanizadas, sem a menor atenção,
faladas continuamente como um disco agarrado, ou mesmo fazer algo que
poderá enfraquecer seu corpo, como ficar horas de joelhos ou dias de
jejum, se acha que sua fé só pode ser fortalecida, e que você só pode
crer nela assim, é livre arbítrio, mas a Umbanda acredita fielmente
que uma oração bem feita e feita com fervor, amor e fé, é muito mais
bem aceita que grandiosos rosários rezados mecanicamente sem prestar a
devida atenção. E ao acontecer isso não é falta de fé, não é porque o
filho e displicente. É apenas porque somos seres humanos, e nos
cansamos, e o cansaço nos tira a atenção.

    Todos Os Orixás e todas as Entidades de Luz, não estão cobrando
nada grandioso de seus filhos. Desejam apenas sua fé, seu carinho, seu
amor, e não o excesso de algo, não a dor de alguém. Quem tem essa
visão é o ser humano, muitos líderes religiosos, que para prender um
fiel em sua doutrina, faz parecer que Deus é terrível e cobra as
coisas de uma forma monumental. Sendo que Deus é humildade, assim
como uma simples oração.

    Em algum momento lendo uma de nossas correspondências, uma amiga
me mandou a seguinte frase, que realmente não sei quem é o autor.

"A oração é a energia da vida, permeando todo o universo e tornando-se
força motriz para a mudança."

    Exatamente isso, se desejarmos mudar nossos atos, nossos erros,
nossos defeitos, nossas lamúrias, entre tantas coisas defeituosas que
giram em nosso planeta, nada melhor que rezarmos. Que entregarmos a
Deus, a Oxalá, aos Orixás e as Entidades de Luz, a nossa oração, mas
que seja a nossa oração de amor, de carinho de fé. Pois só assim  as
"engrenagens" que giram a vida e a nossa evolução  espiritual poderá
agir e trabalhar a nosso favor e em favor de nossos semelhantes.


    Voltando aos trabalhos de caridade de nossa Umbanda, retornando
falando de nossas "giras", podemos ver a grandiosidade da oração, ao
vermos uma Entidade de Luz rezando, a entrega dentro da oração, o
extremo amor que faz isso. Como exemplo poderemos citar quando estamos
desanimados, tristes, sem vontade de nada, amargurados, e entramos em
um trabalho de Umbanda, no qual um Preto Velho, ou um Caboclo por
exemplo, nos reza, seja com o seu "tercinho", seja com um galhinho de
arruda ou guiné, ou mesmo com as mãos puras. Você sai dali renovado,
leve, parecendo outra pessoa. Sai com novas esperanças, com força
para caminhar.

    Essa é a força da oração feita com fé.

    Abaixo descrevemos a linda Oração do Umbandista.

********************************************************************
Senhor,
fazei de mim um instrumento da vossa comunicação.
Onde tantos mistificam,
Que eu leve a palavra da verdade!
Onde tantos procuram ser servidos,
Que eu leve a alegria de servir!
Onde tantos fecham os olhos para a prática do bem,
Que eu abra meu coração para acolher!
Onde tantos usam a Umbanda como comércio,
Que eu seja usado pela Umbanda para o amor !
Onde tantos espalham a ignorância e o preconceito,
Que eu saiba agir pela luz do conhecimento e da razão!
Onde a vida perdeu o sentido,
Que através da Umbanda eu leve o sentido de viver!
Onde tantos me pedem um "despacho",
Que eu saiba ensinar a benção do trabalho interno!
Onde haja doença,
que eu leve a vibração de saúde do Sr. Oxossi.
Onde haja desespero,
que eu leve a concórdia e a placidez das Águas.
Onde houver desânimo,
que eu leve a determinação e tenacidade do Senhor Ogum.
Onde houver injustiça,
que eu leve o discernimento e a justiça do Senhor Xangô.
Onde tantos me pedem um milagre,
que eu seja a humildade do preto velho!
Onde tantos estão sempre distantes,
que eu possa fazer a Umbanda sempre presente!
Onde tantos sofrem de solidão que faz morrer,
que eu seja a pureza de Ibeijada, espalhando a alegria!
Onde tantos morrem na matéria que passa,
que o Senhor Omulú me abençoe com a vibração da terra, geradora
permanente de vida.
Onde tantos olham para a terra,
que eu seja um espelho de Aruanda, a refletir sua luz na terra!

Saravá Umbanda!!
*******************************************************************

    Uma linda oração realmente. Esperamos que possamos não só a
rezá-la, mas praticá-la, com o mesmo amor e fé.

    Agora para terminarmos nosso texto, vou anexar abaixo um diálogo
entre Deus e um Umbandista, que reza mecanicamente antes de dormir, e
que Deus, nosso Pai Maior, demonstra que rezar sem refletir é algo que
podemos fazer sem perceber. Portanto vamos ler com bastante atenção, e
refletir muito nos ensinamentos de Deus. Só frisando que recebi esse
texto de um amigo de fé, e infelizmente não tinha o autor. Gostaria
muito de ter dado os créditos, pois achei maravilhosa a colocação
desse diálogo.

******************************************************************

Diálogo entre Deus e um umbandista que reza o "Pai Nosso Meditado".

UMBANDISTA: Pai nosso que estais no céu...

DEUS: Sim? Estou aqui...

UMBANDISTA: Por favor, não me interrompa, estou rezando!

DEUS: Mas você me chamou!

UMBANDISTA: Chamei? Eu não chamei ninguém. Estou rezando. "Pai nosso
que estais no céu..."

DEUS: Aí, você fez de novo.

UMBANDISTA: Fiz o que?

DEUS: Me chamou! Você disse: Pai nosso que estais no céu. Estou aqui.
Como é que posso ajudá-lo?

UMBANDISTA: Mas eu não quis dizer isso. É que estou rezando. Rezo o
Pai Nosso todas as noites antes de dormir, me sinto bem rezando assim.
É como se fosse um dever. E não me sinto bem até cumpri-lo.

DEUS: Mas como podes dizer Pai Nosso, sem lembrar que todos são seus
irmãos, como podes dizer que estais no céu, se você não sabe que o céu
é a paz, que o céu é amor a todos?

UMBANDISTA: É, realmente ainda não havia pensado nisso.

DEUS: Mas prossiga sua oração.

UMBANDISTA: "Santificado seja o Vosso nome..."

DEUS: Espera ai! O que você quer dizer com isso?

UMBANDISTA: Quero dizer... quer dizer, é... sei lá o que significa.
Como é que vou saber? Faz parte da oração, só isso. Eu hein!

DEUS: Santificado significa digno de respeito, Santo, Sagrado.

UMBANDISTA: Agora entendi. Mas nunca havia pensado no sentido dessa
palavra. Bem vamos lá, deixa eu continuar. Tenho que dormir.
"Venha a nós o vosso reino, seja feita a vossa vontade, assim na terra
como no céu..."

DEUS: Está falando sério?

UMBANDISTA: Claro! Por que não?

DEUS: E o que você faz para que isso aconteça?

UMBANDISTA: O que faço? Nada! É que faz parte da oração, além disso
seria bom que o Senhor tivesse um controle de tudo o que acontecesse
no céu e na terra também.

DEUS: Hum! Eu tenho controle sobre você?

UMBANDISTA: Bem, eu frequento o Centro Espírita!

DEUS: Não foi isso que Eu perguntei! Que tal o jeito que você trata os
seus irmãos, a maneira com que você gasta o seu dinheiro, o muito
tempo que você dá a televisão, as propagandas que você corre atrás e o
pouco tempo que você dedica a Mim? Será que só ir ao Centro Espírita e
rezar de forma mecânica antes de dormir é o bastante?

UMBANDISTA: Por favor. Pare de criticar!

DEUS: Desculpe. Pensei que você estava pedindo para que fosse feita a
minha vontade. Se isso for acontecer tem que ser com aqueles que rezam,
mas que aceitam a minha vontade, o frio, o Sol, a chuva, a natureza, a
comunidade, fazer a caridade sem querer nada em troca.

UMBANDISTA: Está certo, tens razão. Acho que nunca aceito a sua
vontade, pois reclamo de tudo: Se manda chuva, peço Sol, se manda o
Sol reclamo do calor, se manda frio, continuo reclamando, se estou
doente, peço saúde, mas não cuido dela, deixo de me alimentar ou como
muito...

DEUS: Ótimo reconhecer tudo isso. Vamos trabalhar junto, Eu e você,
mas olha, vamos ter vitórias e derrotas. Eu estou gostando dessa nova
atitude sua.

UMBANDISTA: Olha Senhor, preciso terminar agora. Esta oração está
demorando muito mais do que costuma ser. Tenho sono. Vou continuar: "o
pão nosso de cada dia nos dai hoje..."

DEUS: Opa! Pare aí! Você está me pedindo pão material? Não só de pão
vive o homem, mas também da minha palavra. Quando me pedires o pão,
lembre-se daqueles que nem conhecem pão. Pode pedir-me o que quiser,
desde que me veja como um Pai amoroso! Eu estou interessado na próxima
parte de sua oração. Continue, antes que durma!
UMBANDISTA: "Perdoai as nossas ofensas, assim como nos perdoamos a
quem nos tem ofendido..."

DEUS: E o seu irmão desprezado?

UMBANDISTA: Está vendo Deus? Olhe só Senhor, ele já criticou várias
vezes e não era verdade o que dizia. Agora não consigo perdoar.
Preciso me vingar, não é? Só assim vou poder dormir em paz... Eu acho.

DEUS: Mas, e a sua oração? O que quer dizer sua oração? Você me
chamou, e eu estou aqui, quero que saias daqui transfigurado, estou
gostando de você ser honesto. Mas não é bom carregar o peso da ira
dentro de você, não acha? Quem sabe assim você consiga finalmente
dormir. Aliás você anda com muitas olheiras, não deve estar dormindo
muito bem.

UMBANDISTA: Hum! Acho que iria me sentir melhor se me vingasse!

DEUS: Não vai não! Vai se sentir pior. A vingança não é tão doce
quanto parece. Pense na tristeza que me causaria, pense na sua
tristeza agora. Eu posso mudar tudo para você. Basta você querer.

UMBANDISTA: Pode? Mas como? E falando nas olheiras... Realmente elas
estão enormes. Pois é, acho que não ando dormindo muito bem.

DEUS: Sim, elas estão horríveis. Mas, perdoe seu irmão, Eu perdoarei
você e te aliviarei.

UMBANDISTA: Mas Senhor, eu não posso perdoá-lo.

DEUS: Então não me peças perdão também!

UMBANDISTA: Mais uma vez está certo! Mais de querer vingar-me, prefiro
a paz com o Senhor. Está bem, está bem. Eu perdoo a todos, mas
ajude-me Senhor. Mostre-me o caminho certo para mim e meus inimigos.

DEUS: Isto que você pede é maravilhoso, estou muito feliz com você.
E você, como está se sentindo?

UMBANDISTA: Bem, muito bem mesmo! Para falar a verdade, nunca havia me
sentido assim! É tão bom falar com Deus.

DEUS: Ainda não terminamos a oração. Prossiga.

UMBANDISTA: "E não deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal..."

DEUS: Ótimo, vou fazer justamente isso, mas não se ponha em situações
onde possa ser tentado.

UMBANDISTA: O que quer dizer com isso?

DEUS: Deixe de andar na companhia de pessoas que o levam a participar
de coisas sujas, intriga, inveja, maledicência. Abandone a maldade, o
ódio. Isso tudo vai levá-lo para o caminho errado. Não use tudo isso
como saída de emergência!

UMBANDISTA: Não estou entendendo!

DEUS: Claro que entende! Você já fez isso comigo varias vezes. Entra no
erro, depois corre a me pedir socorro. Se lembra não?

UMBANDISTA: Me lembro sim. E estou com muita vergonha, perdoe-me
Senhor!

DEUS: Claro que perdoo! Sempre perdoo a quem está disposto a perdoar
também. Mas não esqueça, quando me chamar, lembre-se de nossa
conversa, medite cada palavra que fala! Agora termine sua oração,
vamos. Ainda está com sono não é?

UMBANDISTA: Terminar? Ah, sim. "AMÉM!"

DEUS: O que quer dizer AMÉM?

UMBANDISTA: Não sei. É o final da oração. Ora bolas.

DEUS: Você só deve dizer AMÉM quando aceita dizer tudo o que eu quero,
quando concorda com minha vontade, quando segue os meus ensinamentos.
Porque AMÉM, quer dizer: ASSIM SEJA, concordo com tudo que rezei.

UMBANDISTA: Senhor, obrigado por ensinar-me esta oração. E agora,
obrigado por fazer-me entendê-la.

DEUS: Eu amo cada um dos meus filhos. Amo mais ainda aqueles que
querem sair do erro, aqueles que querem ser livres do pecado.
Abençoo-te e fica com minha paz!

UMBANDISTA: Obrigado Senhor! Estou muito feliz em saber que és meu
amigo. Será que já posso dormir?

DEUS: Bons sonhos meu filho, bons sonhos. Vá, acabe com essas
olheiras.
******************************************************************

    Façamos como nosso amigo "umbandista", aprendamos a valorizar cada
palavra da oração, seja ela enorme, seja ela pequenina, mas sempre
elevando a nossa fé, o nosso carinho, o nosso amor e a nossa
aprendizagem naquilo que ela nos deseja passar naquele momento.

    E frisando uma frase que meu Mentor, vovô Rei Congo, me disse a alguns anos atrás:

"A oração pode ser a mesma sempre, mas ela vai te mostrar caminhos
diferentes para diferentes momentos de dificuldade que esteja
passando. Então meu filho, saiba entender cada palavra da oração, para
cada momento passado." Vovô Rei Congo.

A oração de amor é força na direção à bússola da fé viva, recompondo a
paisagem em que vivemos e traçando rumos novos para a vida superior.
Ore, reze, converse com Deus. Mas com fervor sempre.

A Oração e a mentalização devem ser sentidas e entendidas. É preciso
se concentrar e se envolver de corpo e alma. Nada de rezar de forma
mecânica e sem sentimentos.

A Oração neutraliza qualquer força negativa. Cultive a prece.

Salve as nossas Orações!

Salve as forças divinas que aceitam as nossas Orações!


Carlos de Ogum.

35 comentários:

Anônimo disse...

Adorei o texto, muito bom! Sempre me apego as orações e sempre traz resultado! Salve nossas orações! Que zambi nos abençoe e guarde! Priscila

Anônimo disse...

Lindo demais. Parabéns. Claudete.

marluce disse...

Orar é se elevar ao encontro de Deus. Amei esse texto. Marluce
Magalhães

Anônimo disse...

Adorei o bate papo com Deus. Aprendi agora também. Márcia Saldanha.

Anônimo disse...

Lindo texto Pai Carlos. É de emocionar. Parabéns. Claudinha.

Anônimo disse...

Maravilhoso amigo Carlos. Parabéns. Paulo Resende.

Anônimo disse...

Querido amigo Carlos, simplesmente lindo seu texto. Parabéns e que
Oxum lhe abençoe. Mãe Maria de Oxum.

Anônimo disse...

Extraordinario. Amei o dialogo com Deus. Paulinha.

Anônimo disse...

Saravá Pai. Me mande por favor uma oração para ser feita a Mãe Oxum.
rose.peixoto55@gmail.com obrigado de coração. Rose

Anônimo disse...

parabens. Mais um texto divino. Salve as orações. Rita de Cássia.

Anônimo disse...

Lindo texto Pai. Adorei. Axé.

Anônimo disse...

As orações são nossas conversas com Deus. Lindo texto e uma ótima
lição. Mariá Saldanha.

Anônimo disse...

Lindo demais. Quero falar com Deus de um modo mais amigável. As vezes
rezo de forma mecanica também. Rachel Lima.

Anônimo disse...

Divino Pai Carlos. Adorei seu texto. Tenho muito apego com a Umbanda.
Teria uma oração para me expressar melhor com ela. Marcia Martins.

Anônimo disse...

Divinamente lindo Carlos de Ogum. Eu desejaria uma Oração de Ogum.
Teria como me enviar? Ronaldo Pinho.

Anônimo disse...

Querido Carlos, seu texto me deu um balanço. Eu realmente não sabia
rezar. Alias me apegar a reza. Obrigado. Paulinha.

Anônimo disse...

A explicação de Deus foi extraordinária assim como é extraordinário
Deus. Parabéns. Sueli Couto

Anônimo disse...

Ameeeeeeeeeeeeei deeeeeeeeeeeeeeeemaiiiiiis!!!!!!!!! Carol.

Anônimo disse...

Lindo Pai Carlos. Parabéns. Axé e beijos. Kamilla.

Anônimo disse...

Lindo lindo lindo. Orar e papear com Deus na intimidade. Nathalia
Farad.

Carlos de Ogum disse...

Cara Rose, você pode encontrar uma linda oração no texto de saudação a Mãe Oxum neste mesmo blog. O link é: http://umbandayorima.blogspot.com.br/2013/12/saudacao-mamae-oxum.html

Axé!

Carlos de Ogum disse...

Caro Ronaldo, você pode encontrar uma linda oração no texto Saudação a Pai Ogum no Seu Dia. O link é: http://umbandayorima.blogspot.com.br/2013/04/saudacao-pai-ogum-no-seu-dia.html

Axé!

Bruna Cardoso disse...

Lindas orações! Amei esse íntimo com Deus.

Anônimo disse...

Lindas orações. Obrigado por compartilhar. Parabéns pelo texto. Maria
Clara. Vitória ES

Marcão disse...

Axé Carlos de Ogum, que nossa Umbanda continue iluminar teus caminhos ... Que nossos tambores lhe tragam muito Axé ... Belo Texto.

Anônimo disse...

Lindo demais. Momento com Deus foi divino. Que lição. Parabéns

Fabiana Quartezane Freire disse...

Amei esse texto, principalmente o diálogo com Deus. Foi maravilhoso. Vamos rezar, orar, clamar, agradecer. Amém e axé sempre.

Regina Saiad disse...

Lindo demais. Algo que mexe com a gente. Parabéns.

Anônimo disse...

Lindo e milagroso. Rezar é a melhor coisa para um coração sem esperanças. Obrigado por compartilhar. Marluce

Pâmela disse...

Uma das coisas mais belas da vida e rezar sem interesse, Rezar, orar e viver bem. Axé

Jaciara disse...

MARAVILHOSO!!! Coisa linda de se ler. Parabéns.

Francisco Carlos disse...

Orar é chegar a Deus com carinho e fé. Saravá.

Rafaelly Garcia disse...

Orar a Deus e aos Orixás nos abre caminhos. Salve nossa fé nas orações.

Aparecida Maria Peixoto disse...

Orar a Deus e aos Orixás é a elevação da alma. Salve as orações.

Priscilla Ramos disse...

Orar é elevar nossa alma a Deus. Lindo demais seu texto

Postar um comentário

 
;