quinta-feira, 29 de maio de 2014

Vamos Conhecer Um Pouco Mais de Nossa Umbanda Sagrada




    Muitas pessoas se dizem Umbandistas, dizem seguir com amor a
Religião de Umbanda, diz amar com todo carinho do mundo os Orixás e
as Entidades de Luz.

    Mas será que sabemos realmente o que é a Umbanda?

    Será que realmente  conhecemos a Umbanda?

    A Umbanda é uma religião de grande diversidade. Ao contrário do
Kardecismo ela não é codificada e se apresenta através de diferentes
práticas. Porém, alguns princípios básicos são comuns a todas as
ramificações da Umbanda.


    O primeiro deles é a caridade gratuita, sem distinção de cor,
raça, credo religioso ou status social.

    Aliás, a incorporação mediúnica de Caboclos, Pretos Velhos,
Crianças, Exus, Boiadeiros, Pombo Giras, Ciganos, etc., se dá para
cumprir este objetivo - a caridade a quem precisa - e a evolução do
espírito.

    No que tange a evolução do espírito, a Umbanda crê na reencarnação
dos espíritos para cumprimento de seus carmas e como forma de evoluir
na escala espiritual. A Umbanda crê no livre arbítrio que torna o
homem responsável por suas escolhas, ações, pensamentos e sentimentos
e que o coloca, portanto, no dever de responder por seus atos sem
revolta e com compreensão.

    Para a Umbanda, o mal, é um bem a nascer, e todos terão perante a
Deus o direito de evoluir, mesmo que para isso sejam necessárias
várias reencarnações. Eis o verdadeiro objetivo das reencarnações:
oportunidade de crescimento e evolução para o espírito.

    A Umbanda não prega o mal, é absolutamente contra a violência e
valoriza a humildade como virtude fundamental. Tanto o corpo mediúnico
quanto os dirigentes das Casas de Umbanda devem permanecer no
exercício constante de combater a vaidade e lembrar que a doação e
honestidade são fundamentais no caminho escolhido por eles: a missão
que é o serviço à Umbanda.

A Umbanda também tem como um dos seus principais pilares o respeito.

    Respeito pelas outras religiões, respeito pela evolução e história
de cada espírito, respeito pelos valores humanos, pela moral e pela
dignidade.

    Ainda hoje há muita confusão no entendimento da Umbanda. Essa
religião que só prega caridade e respeito muitas vezes é mal
interpretada por pessoas que a desconhecem ou pior, por charlatães ou
pessoas de má fé que se dizem Umbandistas e só deturpam os princípios
básicos da religião, fazendo com que boa parte da sociedade olhe para
a Umbanda com desconfiança, medo e até aversão.


    A Umbanda é uma Religião linda, não voltada ao dinheiro, portanto
nunca se deixem serem levados ´por pessoas maus caráteres que possam
vir a tentar vender a você bençãos em nome da Umbanda, pois Umbanda é
caridade pura, e fazer o bem sem esperar nada em troca e sem olhar a
quem.

    Umbanda é Religião e nunca poderá ser uma profissão.

    A Umbanda de forma nenhuma fará o mal a um semelhante, não fará
nada que leve contra o livre arbítrio de alguém, não vai tirar o
sossego de um irmão, não vai amarrar uma pessoa de forma amorosa, só
porque alguém que não tem amor próprio pediu.

    A Umbanda é linda, humilde, reflexível, nos dá caminhos nas horas
que não encontramos uma saída, nos dá lições quando precisamos
aprender sobre amor, paz e caridade.


    Não tenha medo de descobrir o que é a Umbanda, ela está de braços
abertos, sem nenhum interesse, esperando para receber você, com
carinho, respeito, amor e uma extrema e grandiosa fé em Deus.


    Vamos agora aprender uma bela oração, abaixo o Credo Umbandista.


Credo Umbandista.

Creio em Deus, Onipotente e Supremo.
Creio nos Orixás e nos Espíritos Divinos que nos trouxeram para a Vida
por Vontade de Deus.
Creio nas Falanges Espirituais, orientando os homens na vida terrena.
Creio na reencarnação das almas e na Justiça divina, segundo a Lei do
Retorno.
Creio na comunicação dos Guias Espirituais, encaminhando-nos para a
Caridade e a prática do Bem.
Creio na invocação, na Prece e na Oferenda, como atos de fé e creio
na  Umbanda, como religião redentora, capaz de nos levar pelo caminho
da evolução até o nosso Pai Oxalá.

    Que Assim Seja!

    Saravá nossa Umbanda Sagrada, nossa Religião Amada.


Carlos de Ogum

15 comentários:

Cris Moço disse...

É a religião que me abre portas e que me faz uma pessoa melhor na fé e que me mostra que tudo pode ser mudado e melhorado nessa vida e na espiritual...Axé!!!

Gizele Aquino disse...

Olá irmãos de fé!!

Lindo texto sobre nossa amada religião Umbanda.
Não conhecia esse Credo Umbandista muito bonito.
Gosto muito tb do Hino da Umbanda creio que nele já tem toda uma explicação sobre nossa religião

Refletiu a luz divina
Com todo seu esplendor
É do reino de Oxalá
Onde há paz e amor

Luz que refletiu na terra
Luz que refletiu no mar
Luz que veio de Aruanda
Para todos iluminar

A Umbanda é paz e amor
É um mundo cheio de luz
É a força que nos dá vida
E à grandeza nos conduz

Avante filhos de fé!
Como a nossa lei não há
Levando ao mundo inteiro
A Bandeira de Oxalá
Levando ao mundo inteiro
A Bandeira de Oxalá

Eu sempre me emociono quando canto!!

Axé!!

Aldo Cioffi disse...

Lindo e verdadeiro texto que explana tão bem a nossa querida Umbanda. Parabéns pelo excelente post.

Anônimo disse...

Adorei esse texto, que lição a muitos umbandistas.

Ricardo Sampaio

Anônimo disse...

Parabens Carlos, novamente demonstrando seu modo cheio de luz de refletir.

Joana Gama

Anônimo disse...

Mais uma maravilha a ser lida nesse blog. Parabéns por tanta sabedoria e luz.

Luis Ricardo Moura

Anônimo disse...

Divino texto Pai. Parabéns.

Marley Duarte

Anônimo disse...

Muito bem colocado. Otimo post.

Sérgio Gomes

Anônimo disse...

Saravá nossa Umbanda. Gostei demais do blog e em especial desse post.

David Meirelles

Anônimo disse...

Obrigado pelo texto, foi muito interessante e educativo.

Rachel Rocha

Anônimo disse...

Umbanda linda Umbanda. Saravá meu Pai.

Celina Riccelly

Anônimo disse...

Muito bom texto amigo Carlos. Parabéns.

Fernando Dias

Anônimo disse...

Que texto divino, Pai Carlos, Parabens novamente por mais essa aula de Umbanda.

Vanessa Konde

Anônimo disse...

Sem palavras, texto divinamente bem escrito e bem colocado. Nota mil, como sempre. Virei fã. Beijos e axé.

Millene Goveia

Anônimo disse...

Maravilhosa religião tão mal compreendida. Amo a Umbanda com todo meu
coração. Valdete Clemente

Postar um comentário

 
;