domingo, 13 de abril de 2014

Conhecendo os Falangeiros de Ogum

    Muito se ouve falar em "Falangeiros" dentro de nossa linda
religião de Umbanda.
Mas pouco se explica sobre o que é um Falangeiro.

    Sendo assim vamos entrar no mundo dos Falangeiros, e como estamos
no mês de Pai Ogum, nosso Orixá guerreiro e protetor, decidi falar um
pouco sobre os Falangeiros desse Orixá tão conhecido e respeitado
dentro das religiões Afro-Brasileiras.

    Falangeiro é aquela Entidade que está somente abaixo do Orixá, ele
comanda as legiões de Entidades e Espíritos que se afinizam na
vibração do Orixá que os governa.

    Esses Falangeiros são divididos da seguinte maneira:

Ogum Megê, Ogum Beira-Mar, Ogum de Ronda ou Naruê, Ogum Matinata,
Ogum Delei ou Delê, Ogum Iara e Ogum Rompe-Mato.

    Eles vem na seguinte vibração de Ogum com outro Orixá:


Ogum Megê: Trabalha em vibração com Omulú, na linha das Almas.
Ogum Beira-Mar: Trabalha em vibração com Iemanjá.
Ogum de Ronda ou Naruê: Trabalha em vibração com Exú.
Ogum Matinata: Trabalha em vibração com Oxalá.
Ogum Dilei ou Delê: Trabalha em vibração com Xangô.
Ogum Iara: Trabalha em vibração com Oxum.
Ogum Rompe-Mato: Trabalha em vibração com Oxossi.

    Abaixo falaremos um pouco de cada um.


                              OGUM MEGÊ




Ogum Megê nos ritos de Umbanda é muito invocado para resolver casos de
feitiçaria e outros trabalhos mais pesados, principalmente os que
envolvem a Calunga Pequena, ou cemitério.

    Ogum Megê anda geralmente nas encruzilhadas, e estradas que dão
acesso ao campo santo, e sua força se une com a de Omulú, o grande
guardião das almas e de sua morada.

    Poderoso guerreiro, sempre está atento para o que se passa dentro
dos cemitérios, sendo importante que; antes de fazermos qualquer
passagem neste local, pedimos licença a ele, e pedimos sua proteção
contra Espíritos perdidos que se encontram ali.

    Ogum Megê, assim como os demais Oguns, é um protetor fiel, e
sempre que por ele chamamos, encontramos pronto atendimento às nossas
súplicas.

    Com sua força e luz, este Ogum ronda os cemitérios, e nada podemos
fazer sem sua devida autorização.

    Era comum os umbandistas mais antigos, levarem para ele, cerveja,
velas, ou outro tipo de oferenda para que ele autorizasse aos exús
daquele lugar, que viessem atender a um chamado sempre que deles
precisassem. Hoje em dia, com novos conhecimentos, entendemos que
muitas dessas coisas não se fazem necessário, pois Ogum Megê é
sublime, caridoso e nos ajuda diante de nossa fé, apenas desejando
respeito e que não usemos o seu nome para levar ódio e maledicências
a terceiros.

    Ogum Megê Usa as cores vermelha e branca, assim como a grande
maioria dos Oguns de Umbanda, fuma cigarro ou charuto e quando
incorporado, bebe de forma moderada a cerveja branca.

    Só frisando que o fumo e a cerveja, fazem parte do ritual de
limpeza de ambientes e médiuns, não é para satisfazer vontades, pois
um Orixá não tem essa necessidade.

    Ao invocarmos algum exú de cemitério para nos ajudar em alguma
situação, o Sr. Ogum Megê, vem imediatamente até as proximidades do
portão e busca saber a que lugar vai aquele exú, também desejando
saber o que vai fazer. E se ele não for devidamente informado, pode
impedir que aquele exú venha trabalhar, e essa é a causa de alguns
trabalhos de cemitério não renderem resultados satisfatórios.

    Ogum Megê Dentro da quimbanda, assim como os demais Oguns, se
encarrega de supervisionar os trabalhos que são realizados, e se por
ventura algo de muito errado for feito, ele imediatamente comunicará
às esferas superiores e se dará assim, o início da cobrança daquele
ato, primeiramente para o exú e posteriormente para a pessoa que
solicitou o trabalho.

    Saravá Ogum Megê!!!


                           OGUM BEIRA-MAR





    Entre todas as qualidades de Ogum, Ogum Beira-Mar, talvez seja o
mais conhecido entre eles, pois muitos trabalham com as Entidades de
Luz dessa falange.

Um dos principais motivos é que todos filhos de Ogum tem uma ligação
direta e muito especial com Iemanjá.

    A entidade que faz a ligação entre Ogum e Iemanjá, é Seu
Beira-Mar.

    Essa entidade toma conta das praias, onde há a arrebentação das
ondas, é ele que encaminha os pedidos feitas a mãe Iemanjá, pois como
nas lendas dizem, "Ogum mora no mar", portanto é lá que seu Ogum
Beira-Mar trabalha.

    Quando estão em terra as Entidades desta linha são sempre eretas,
com uma postura um tanto chamativas, de peito inflado. Podendo dentro
do Candomblé, seja que algum use capas encarnadas, e preferem
armaduras prateadas, diferente de outras entidades que usam dourado.

    Sua cor vibratória é o Vermelho, mas aceitam muito bem o azul
claro, pois é sua cor de atuação.

    Ogum Beira-Mar, comanda muitas falanges como por exemplo: Ogum 7
Ondas, Ogum 7 Mares, Ogum Marinho entre outros.

    No caso de Ogum 7 ondas, que é o responsável em entregar as
oferendas a Iemanjá, ele vem logo após a Ogum Beira-Mar, ou seja, se
oferta algo a Iemanjá, Ogum autoriza a Ogum Beira-mar a receber, e
Ogum Beira-Mar faz a entrega a Ogum 7 Ondas para que esse entregue aos
braços da linda Iemanjá. Caso Ogum não autorize, seus pedidos e sua
oferenda não vão chegar a Iemanjá, e por esse motivo alguns pedidos
feitos a ela não são realizados.

Saravá Ogum Beira-Mar!!!


                     OGUM DE RONDA OU OGUM NARUÊ




    Ogum de Ronda ou Ogum Naruê, chama um tanto a atenção dentro dos
Terreiros de Umbanda por estar ligado com os Exús, portanto Ogum de
Ronda ou Naruê tem dois lados, sendo um lado Ogum e outro lado Exú.

    Isso quer dizer que Ogum de Ronda ou Naruê, trabalha em dois polos
energéticos, ou seja, tanto do lado positivo quanto do negativo.

    Ogum de Ronda ou Naruê, vem quase da mesma vibração de Ogum Megê,
trabalha também nas Calungas Pequenas (cemitérios), e guarda com
firmeza as entradas de Centros e Terreiros Umbandistas.

    E normal na entrada de um Terreiro de Umbanda notarmos a imagem de
Ogum de Ronda dividindo os espaços entre as assistências e consulentes
do espaço cedido aos Médiuns trabalhadores, pois, enquantos os Exus
tomam conta das tronqueiras, Ogum de Ronda protege a entrada do cômodo
onde está havendo as incorporações, desobsessões, descarregos e
atendimentos.

    Também é natural se acompanhar no momento da defumação dos
Terreiros e de Médiuns, assim como todo o ambiente, o pedido dos
responsáveis pela Gira, o acompanhamento de Ogum de Ronda nessa hora.

Saravá Ogum de Ronda ou Ogum Naruê!!!


                            OGUM MATINATA





Ogum Matinata vibra, originalmente na linha de Ogum sem cruzamentos, é
a linha puro do Orixá Guerreiro.

    Ele é defensor dos campos onde são feitas as oferendas para Oxalá,
bem comuns em colinas floridas e montes.

    Ogum Matinata raramente é observado em um trabalho de incorporação
mediúnica, pois são pouquíssimos Médiuns que o tem como guia, pelo
fato de ser uma incorporação um tanto complicada, sendo um Médium com
Ogum Matinata na coroa, esse Médium tem que estar extremamente
desenvolvido para tal.

    As cores de Ogum Matinata são branco e vermelho, predominando mais
o branco.

    Suas oferendas devem ser sempre entregues em campos com muitas
flores. Além de guardar as oferendas de Oxalá, vibra diretamente
com o mesmo.

Saravá Ogum Matinata!!!


                OGUM DE LEI, OGUM DELÊ OU OGUM DILEI




    Esse Orixá é intermediador de Ogum e Xangô, ele chama-se Ogum de
Lei, alguns chamam de Ogum Delê e outros de Ogum Dilei, depende da
região onde se encontra os Terreiros.

    Todo material pesquisado sobre Ogum De Lei, não dá a grandeza
desse Orixá, pois é um tanto escasso, talvez pelo fato de que seja, um
tanto raro de ser visto em rituais de Umbanda.

    Ogum De Lei são os aplicadores da lei de Xangô, pode-se chamar até
de executores das leis divinas.

    Ogum de Lei, no Candomblé, usa armadura dourada e capa encarnada,
e por ser intermediador de Xangô, usa uma balança nas mãos, sempre com
uma mão sobre a espada, em sinal de execução.

    Sua cores cabalísticas são branco, vermelho e amarelo.

    Sua área de atuação é a entrada das pedreiras, pois nas pedras o
intermediário de Ogum para Xangô é, o "Ogum Guarda das Pedreiras". Mas
como disse essas entidades são dificeis de se ver em terra.

    Quando o Orixá Ogum manifesta-se na defesa do reino de Xangô,
encontramos o desdobramento chamado de Ogum de Lei, ou seja,
combinação vibratória do Orixá Ogum com o Orixá Xangô. Em nível de
necessidade nossa de terra (ou terreiro) é quando Ogum atua na
execução de justiça. É o Ogum da ponderação, ou seja, conquista/defesa
através da ponderação, da estratégia, da justiça e da sabedoria.

Saravá Ogum De Lei!!!


                              OGUM IARA




Ogum Iara, que também se pode ser escrito Ogum Yara, é uma falange do Orixá Ogum, bem
conhecido, ele trabalha em vibração com a Orixá Oxum, e também é dito
que seu trabalho vibra junto com Ibeiji, intermediando as crianças da
Umbanda.

    Ogum Iara que além de sua natureza aguerrida ainda carrega o amor
característico de nossa mãe Oxum, e também a doçura das crianças, que
vibram juntamente com Ibeiji, tem como característica a proteção de
modo especial a seus filhos, a sublime demonstração de ensinamentos
além de nos dar caminhos rumo a vitória. Sendo ele um pai austero,
forte e amoroso, assim nos ensina a caminhar nessas estradas, ora
iluminadas e planas, ora escuras e cheias de obstáculos.

    Dentro da Umbanda, Ogum Iara, é muito respeitado, e em um de seus
pontos cantados que diz assim:

"Ogum Iara, quando era menino, em seu cavalo branco ele foi guerrear, ele
guerreou, lá na sua banda e na nossa banda ele venceu demanda."

    Podemos observar nessa entoação, toda a bravura desse guerreiro,
sua forma destemida de encarar as demandas, sejam elas no plano
espiritual ou material.

A cor vibratória de Ogum Iara é o azul escuro. Ele trabalha nas
cachoeiras e em alguns jardins, tem como função de ser o receptor das
oferendas entregues a Oxum e também a Ibeiji.

Saravá Ogum Iara!!!

                           OGUM ROMPE-MATO




    Senhor Ogum Rompe-Mato é Senhor e comandante dos Caboclos de Ogum,
Seu Rompe-Mato também é famoso. suas falanges baixam em muitos
terreiros.

    A maioria dos falangeiros de Ogum, se comportam de forma retida,
costumam ficar parados num local, como se fosse um guarda de um
palácio, mas as Entidades de Luz da falange de Seu Rompe-Mato é
diferente, quase todos dançam e rodam o terreiro inteiro, alguns até
bradam. Talvez pela afinidade com a linha dos caboclos.

    Ele é intermediário entre o Orixá Ogum e Oxossi, por isso também
usa como cor vibratório além do branco e vermelho, o verde das matas.

    Seu campo de atuação é a entrada das matas, onde Oxossi governa.
Ogum Rompe-Mato guarda essa entrada, ele está sempre na entrada de uma
trilha, guardando os espíritos que lá moram.

    Não devemos confundir o Ogum Rompe-Mato com o Caboclo Rompe-Mato,
um é o intermediador de Ogum e Oxossi, já o Caboclo, é uma Entidade de
Luz que trabalha na linha de Ogum, e faz sua entrega pra Oxossi, um é
falangeiro, outro é um Guia.

    Todos os pedidos e  oferendas a Pai Oxossi, entregues nas entradas das matas e
florestas, passam por Seu Ogum Rompe-Mato, que autoriza ao Caboclo
Rompe-Mato a levá-las ao próprio Oxossi, para ai sim serem atendidos
os pedidos, e como os outros falangeiros de Ogum, se esse pedido não
tiver cabimento dentro da lei Umbandista, Seu Ogum Rompe-Mato não
autoriza e esse pedido sem nexo nunca vai ser realizado.

Saravá Ogum Rompe-Mato!!!

    Esses são os falangeiros desse maravilhoso e protetor Orixá
guerreiro, e esse é um texto resumido, pois a beleza desses Orixás é
tão grandiosa que realmente não daria para expressar em tão poucas
linhas.

Patacori Ogum!!!

Carlos de Ogum

62 comentários:

Aninha de Iemanjá disse...

Salve meu Pai Ogum, salve sua força, salve todos seus falangeiros ♥

Anônimo disse...

Adorei o conhecimento! Axé!

ana lidia disse...

Ogunhê! Salve Ogum! ❤

Gizele Aquino disse...

Bom dia a todos que tenhamos uma excelente semana!!!

Obrigada Pai Carlos pelo texto, me lembro de ter pedido via twitter um texto com todas as falanges de atuação de nosso pai Ogum!

Este orixá tão querido quanto nossa mãe Yemanjá que ultrapassou as fronteiras da religião de Umbanda e é cultuado e amado por tantos brasileiros. Acho que isso se deve a uma forte identificação das pessoas com este orixá, que traz consigo o símbolo da força, da luta e da coragem. Características de nós brasileiros.

Eu não tenho nem palavras pra expressar minha gratidão a Ele, que está sempre comigo em todos os momentos de alegria, tristeza de luta. Ele me faz perseverar sempre. Quando já não consigo mais caminhar sozinha Ele que me carrega. Que me ensina a ter ânimo e coragem.

Obrigada pai Ogum por tudo!!!
Patacori Ogum!
Ogunhê meu pai!

Axé Gi!!

gabriel disse...

E o falangeiro ogum guerreiro?

Gizele Aquino disse...

É hoje chegou o grande dia 23.04
Dia de nosso pai OGUM!!!

Carlos de Ogum disse...

Gabriel, todos os falangeiros de Ogum são guerreiros, e aí estão os 7. Se quer saber sobre Ogum Orixá de linha de frente, veja esse link: Saudação a Pai Ogum No Seu Dia
http://umbandayorima.blogspot.com.br/2013/04/saudacao-pai-ogum-no-seu-dia.html

Axé!

Anônimo disse...

Nunca tinha entendido essa diferença entre Ogum e Ogum Iara ou Beira Mar, sempre achava que era um só. Esse texto me esclareceu muita coisa. Obrigado

Mariza Cruz

Anônimo disse...

Lição dada lição aprendida. Agora sei diferenciar Ogum dos seus
falangeiros.

Marcio Mendes

Anônimo disse...

Saravá Ogum, e salve seus falangeiros. Ogum Nhê.

Marcinha Lis

Anônimo disse...

Magnifico texto meu irmão em Ogum. Demonstração maravilhosa dos falangeiros de Ogum. Patacori.

Pedro de Ogum

Anônimo disse...

Que texto divino amigo Carlos, parabéns por mais esse ensinamento.

Rogério Santos

Anônimo disse...

Patacori Ogum, saravá seus falangeiros. Salve Ogum Megê.

Marley Silva

Anônimo disse...

Mais um belo post, amei Pai Carlos.

Cristine Vieira

Anônimo disse...

Muito bom texto amigo. Parabéns.
]
Julio de Oiá

Anônimo disse...

Grande texto de luz meu caro amigo. Parabéns.

Marcos Paulo

Anônimo disse...

Sensacional texto, ensinamento nota mil.

Fred Sampaio

Anônimo disse...

Patacori Ogum. Saravá meu pai. Salve Ogum Iara.

Marcos Fonseca

Anônimo disse...

Muito bom texto. Parabéns Carlos.

Maciel Morada

Anônimo disse...

Salve Ogum De Lei. Salve meu protetor.

Thiago Queiroz

Anônimo disse...

Ogum guerreiro de Jesus, saravá sua banda.

Luis Claudio Mello

Anônimo disse...

Muito bom texto, demonstrando as diferenças dos falangeiros. Mais um para se guardar.

Rosane Cunha

Anônimo disse...

Salve Ogum Megê, Iara, Beira Mar, Rompe Mato, De lei, Matinata e de Ronda, Saravá meu Pai Ogum.

Valdinei de Ogum

Anônimo disse...

Agradeço muito por esse post tão explicativo e maravilhoso, passei a entender melhor sobre Orixás e seus falangeiros.

Paula Gunhós

joao vitor silva disse...

ogum quem nao conhece tenho 3 oguns dentro de minha casa para me proteger e me valer nas horas aflitas nao deixe se enganar pelas aparencias confie em seus orixas erga sua cabeça,tenha fe,acredite...

Anônimo disse...

Salve todos os Falangeiros de meu Pai Ogum, Salve Ogum Megê. Patacori
Ogum.

Anônimo disse...

Saravá os Falangeiros de Ogum, salveSeu Ogum Megê. Patacori.

Anônimo disse...

Saravá Pai Ogum. Salve todos os Falangeiros. Patacori meu Ogum Megê. Francisco de Ogum.

Anônimo disse...

Ogum guerreiro. Esse texto pra mim foi muito legal pq eu nunca tinha entendido a diferença desses nomes de Ogum. Obrigado por nos ensinar. Fabiano Nunes

Anônimo disse...

gostaria de saber um pouco a respeito de ogum guarda pedreira ...
adorei sua pagina muito bom abraço ....

Anônimo disse...

Salve todos falangeiros de meu pai ogum. Ogum nhê.

_babyhperes disse...

ola fiquei com uma duvida. por exemplo, Caboclo Ogum das Matas sua falange seria de Ogum ou de Oxóssi? Pois seu ponto de força é na mata, mas a vibração da sua gira e seu ponto fala é apenas de Ogum. axé e obrigada pelos esclarecimentos

Carlos de Ogum disse...

Cara Baby, Ogum das Matas é um falangeiro do Orixá Ogum, e ele vibra nas matas para auxilio ao Orixá Oxóssi, mas ele é um falangeiro de Ogum.

Axé!

Baêta Alves disse...

Obrigado Querido irmão! Patacori Ogum! Ogunhê meu pai!!!

Anônimo disse...

Saravá o Falangeiro Beira Mar. Salve todos os falangeiros. Pedro

Anônimo disse...

Salve Ogum Megê. Salve os Falangeiros de Ogum guerreiro. Sandro.

Anônimo disse...

Olá Pai Carlos,

Recentemente li um texto que falava à respeito de Ogum 7 espadas. O texto dizia que Ele é um falangeiro do Orixá Ogum.
O senhor sabe me dizer se esta informação procede?

Fernando disse...

Demais essas informações sobre Falangeiros. Saravá Ogum.

Carlos de Ogum disse...

Caro(a) anônimo(a), Ogum 7 Espada é um Caboclo da linha do falangeiro Ogum Matinata.

Axé!

Anônimo disse...

Nossa! Muito bom mesmo! Parabéns! nossa! muito esclarecedor...muito bom mesmo!

Fernando de Ogum disse...

Salve salve Pai Carlos de Ogum. Gostei muito desse texto. Axé Ogum.

Marcio Bueno disse...

Marcio Bueno, Ribeirao Preto -sp Salve meu Pai Ogum Narue

Anônimo disse...

Salve salve Pai Carlos de Ogum, salve nossos falangeiros da linha desse guerreiro de Deus. Patacori.

Cantinho Da Cigana disse...

Gostaria de saber se necessariamente o nosso pai e mãe de cabeça tem que vir na mesma vibração.
Mãe Iemanjá pai Ogum Mege ou pode ser Iemanjá ogunte e Ogum Iara.

JOSÉ B. SILVA disse...

Salve Ogum Megê meu protetor.
Ogunhê!!!
Saravá.

Francisco Carlos disse...

Saravá os guerreiros de Pai Ogum. Saravá.

Daniel Dragony disse...

ogunhê! meu pai ogum!
salve todos seus falangeiros

Daniel Dragony disse...

ogunhê! meu pai ogum!
salve todos seus falangeiros

angelafmelo_ disse...

Salve meu Pai Ogum, salve sua força, salve todos seus falangeiros ♥

Anônimo disse...

Salve os falangeiros de ogum.

katia cruz disse...

Obrigado por me dá informações e esclarecimentos, muitas luzes no seu caminho, axe

Anônimo disse...

Salve os falangeiros de Ogum

Anônimo disse...

Patacori Ogum. Salve salve seu Ogum Megê.

Pedro Silva disse...

Salve os falangeiros de meu Pai Patacori

Anônimo disse...

Saravá Ogum salve todos seus falangeiros

Marilda Gama disse...

Patacory Ogum salve seu Sete Ondas e os falangeiros do Guerreiro

Anônimo disse...

Patacory Ogum salve seu Ogum Naruê


Anônimo disse...

Ogun de Ronda trabalha em alguma falange

Carlos de Ogum disse...

Anônimo(a), como foi dito no texto, Ogum de Ronda é um falangeiro de Ogum, então está em uma falange.

Axé!

Unknown disse...

Obrigado pelo texto ! Me ajudou a conhecer melhor as falanges de Ogum !
Forte abraço meu irmão, que Deus te ilumine !

Anônimo disse...

Salve todos falangeiros de meu Pai Ogum. Saravá

Sebastião Julio disse...

Patacory Ogum salve seus falangeiros

Postar um comentário

 
;